Acne

É uma doença inflamatória crônica da unidade pilossebácea (formada por uma glândula sebácea e um pelo rudimentar) que acomete a face, tórax e as costas. O quadro é frequente na adolescência e apresenta curso prolongado, com períodos de piora e melhora, o que tem grande impacto psicossocial na qualidade de vida dos pacientes.

Como reconhecer: pode apresentar lesões não inflamatórias que são os comedões (conhecidos como cravos) e inflamatórias, que são as pápulas, pústulas e nódulos (as espinhas). Dependendo da forma como se apresentar, pode ser classificada em quatro graus:

  • Grau I: presença de comedões
  • Grau II: predominam lesões inflamatórias pápulo-pustulosas
  • Grau III: apresentam nódulos e cistos
  • Grau IV: forma grave caracterizada por nódulos maiores com saída de pus e fístulas (comunicação entre os nódulos)

Como prevenir: para controlar a produção de sebo, é necessária a limpeza da pele com sabonetes e adstringentes apropriados duas vezes ao dia, alimentação equilibrada e uso de cosméticos oilfree adequados. Para combater os cravos, é necessário tratamento com cremes tópicos à base de retinoides associados a limpeza de pele. Com esses cuidados, é possível prevenir a proliferação bacteriana e a inflamação das glândulas sebáceas, controlando a acne.

Tratamento

Deve ser individualizado e iniciado precocemente para evitar as cicatrizes. Quando predominam os comedões, é indicado tratamento tópico à base de retinoides e peróxido de benzoíla associados à extração dos comedões por meio de limpeza de pele. Quando se apresentam lesões inflamatórias, associa-se também antibióticos de uso oral ou tópico. Tratamentos complementares que ajudam a diminuir a inflamação podem ser utilizados como luz intensa pulsada e laser. Nas formas graves, com presença de nódulos e cistos, e nas formas mais leves que não melhoram com o tratamento, é indicado a isotretinoina oral. Após tratamento, se houver cicatrizes, é indicado tratamento com peeling e laser.

Mitos e verdades

A dieta influência na acne
VERDADE
Alimentos que apresentam alto índice glicêmico, como os carboidratos refinados (arroz, massa, doces) e leite, especialmente os desnatados, causam aumento do nível de insulina, que estimula a produção do sebo e piorar a acne.

Espremer espinhas causa marcas na pele
VERDADE
A presença da cicatriz de acne depende da forma clínica e da predisposição genética de cada paciente, porém a manipulação de cravos e espinhas pode favorecer o aparecimento de cicatrizes.

Lavar o rosto várias vezes ao dia controla acne.
MITO
O excesso de limpeza pode causar efeito rebote, com aumento na produção de sebo e a piora da acne.